Escalda-Pés / Pedilúvio

   Escalda-Pés é uma técnica muito antiga, passada de geração em geração pelas famílias. Comumente usada por nossas avós para aliviar dores articulares e auxiliar na recuperação de gripes e resfriados. Nos dias atuais é amplamente usada para aliviar os pés cansados e stress.
   Em resumo se trata da imersão dos pés (até o tornozelo) em água morna ou quente por até 20 minutos ou a água esfriar.
Decorado com flores e folhas de manjericão

   Na medicina chinesa temos o conceito de áreas reflexas do corpo, microssistemas (pés, mãos, pavilhão auricular, língua, crânio...) que quando trabalhados, tem efeito em outras parte do corpo. É o princípio da auriculoterapia e reflexologia em geral. De acordo com esse conceito, trabalhar os pés serve de forma a auxiliar o corpo como um todo. Pela visão chinesa, aquecer o corpo ajuda no tratamento de doenças causadas pela invasão de frio (Yin), como resfriados, problemas ginecológicos (cistos ovarianos, endometriose, infecções), excesso de muco no organismo, etc.


De crença popular à ciência

   Nossas avós costumavam dizer para fazer escalda-pés antes de dormir quando estivesse resfriado e você sempre duvidou? A água quente (acima de 37º) em contato com a pele eleva nossa temperatura corporal, na fisiologia do corpo as altas temperaturas auxiliam na resposta do sistema imune pelas seguintes propriedades: Aceleração da quimiotaxia de neutrófilos; Secreção de substâncias antibacterianas como peróxidos, superóxidos, lisozima e lactoferrina; Aumento da produção de Interferons (componentes antitumorais e antivirais); Estimulação das fases de reconhecimento e sensibilização da resposta imunológica com maior proliferação de linfócitos T e uma interação mais eficiente desse com o macrófago.
   A água quente também tem como propriedade relaxar a musculatura e fazer vasodilatação, aumenta a amplitude de movimento, diminuindo a contratura muscular e a resposta neurológica da dor. Porém é contra-indicada em caso de lesões/inflamações agudas em até 48h pois pode piorar esses casos clínicos, nesses casos aposte na utilização de gelo, água fria ou morna. 

Você pode fazer em casa

   O básico é ter uma bacia e água quente (respeite a sensibilidade do seu corpo ao escolher a temperatura). Você pode incrementar o seu escalda-pés de várias formas:

Espuma de Banho Tisserand e Sais de Banho Ecco Brasil

Aromaterapia: Utilize a propriedade dos óleos essenciais para potencializar. Os óleos devem ser diluídos previamente em sabonete neutro, espuma de banho neutra ou em leite antes de serem colocados na água. Consulte um profissional adequado para lhe indicar qual o melhor óleo essencial para seu objetivo, dosagem e verificar se há contra-indicações para o seu caso. Você também pode comprar produtos já prontos para esse caso, recomendo as marcas Tisserand e BySamia que eu costumo usar com frequência. 

Fitoterapia: Ervas secas ou in natura, tal como extrato de plantas seguem o mesmo princípio da aromaterapia citada acima. Calêndula tem propriedades antiinflamatórias, gengibre é termogênico, e por assim vai. Na dúvida sempre consulte um profissional para lhe auxiliar. Você também pode utilizar saquinhos de chá.

Pedras/Bolinhas de Gude: Colocar bolinhas de gude no fundo da bacia é uma excelente alternativa para massagear a sola dos pés sem muito esforço, é uma sensação relaxante e indicada para quando se está sentindo peso nos membros inferiores. 

Sal grosso e outros cristais: O Sal é um excelente equilibrador eletrolítico do corpo, além de remover impurezas da pele e acelerar processos de cicatrização. Se formos pensar em função energética/magnética, o sal ajuda a neutralizar energias, clareando a mente e limpando a aura. Outros cristais também podem ser utilizados de acordo com sua propriedade vibracional terapêutica. (ametista, fluorita, sodalita, rodocrosita, quartzo, quartzo rosa, etc).

Florais e Flores: Para quem é adepto da terapia floral pingue as gotinhas do seu floral ou composto de preferência, utilize flores recém colhidas que também podem servir para decoração e estímulo visual. 

Cromoterapia: Se você tiver um canhão de cromoterapia ou lanterna em sua casa, pode se beneficiar da frequência das cores. Sugestão para o relaxamento é a cor azul ou índigo, promove introspecção, relaxamento, e após uma longa aplicação (20m) ajuda a reduzir inflamações e dor. No entanto não é recomendado para indivíduos com depressão. Caso não possua canhão nem lanterna de cromoterapia, improvise um filtro de cor com papel celofane. 

Flores colhidas no jardim de casa

   Apesar de os maiores adeptos do escalda pés serem o público feminino, recomendo que os homens experimentem, principalmente após um dia cansativo no trabalho ou após o treino de membros inferiores na academia. 
   E para as mulheres, mais algumas dicas: Se tiver mais tempo, faça um Day Spa. Com limpeza, esfoliação, escalda-pés, hidratação, pedicure e porque não uma auto-massagem nos pés? Coloque para tocar uma música de sua preferência e aproveite um momento só seu de bem estar. (Nada contra fazer isso junto com amigas, família ou namorado/marido caso tenha interesse também).

E por último aquela dica que a mãe/vó costuma dar: Não coloque o pé no chão gelado após fazer o escalda-pés!!! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário